quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Namorados e Amantes



Amantes não são namorados,
namorados namoram,
amantes se amam!
Amantes sempre fogem,
amantes se escondem
sem fazer alarde.
Namorados, são o dia e a noite,
amantes, são a tarde.

Namorados são avassaladores,
amantes são suaves,
mas, se amam tanto que se machucam,
e, às vezes, sentem dores.

Namorados riem, se divertem,
amantes, apenas se amam.
Namorados, quando estão no Central Park,
correm atrás um do outro.
Nos fins de semana na Lapa
sempre caem nas batucadas,
e se vão à praia de Camboriú, que lindo,
mergulham no mar de mãos dadas!

Amantes, se beijam nas mãos,
amantes nunca se falam,
se sentem, se cheiram,
exalam...

Namorados, passeiam de bicicleta,
andam de patins no gelo.
Amantes acendem a lareira,
sentam-se no tapete,
ela cheira as mãos dele,
e, ele, seu cabelo!
Os rostos se encostam
e, assim, ficam por longo tempo,
as mãos se apertam um pouco mais,
amantes não falam,
se deitam, se perdem,
e se procuram por trás.

Namorados se abraçam
se olham, se ajudam,
se esperam na escola,
comem pipoca na fila do cinema,
fim de semana, eu prefiro Búzios,
você, Saquarema!

Namorados brigam por qualquer coisa,
amantes se amam.
Namorados sentem ciúme,
ficam de mal, trocam de celular.
Amantes se esperam com a banheira cheia,
só não desejam é falar!

Namorados se encontram de manhã
pegam a condução para a escola
e marcam à noite para um passeio.
Amantes se encontram sempre à tarde
o carro voando, a chave recebida,
mal a porta se fecha,
as bocas se lambem,
eu, doido de amor,
você, perdida!

Namorados, quando passeiam,
sempre estão de mãos dadas,
e, felizes, balançam os braços,
amantes se olham no espelho do quarto
e se apertam em abraços.
Namorados fazem as pazes
e prometem juras de amor,
marcam o fim de semana em Penedo,
Lumiar, Salvador.
Amantes estão sempre num quarto,
se beijam, se mordem, se molham,
transpiram, não dormem,
se arriscam ao infarto!

O que há de mais belo na vida
namorados e amantes têm:
namorados são felizes,
amantes, também...

Ivan Siqueira

4 comentários:

★★ GIZA ★★ disse...

oi anjo
Minha alma agradece a você pela tua presença. Meu ser se completa quando encontra o seu. Nada é tão divino como a sua presença. Seria inútil eu dizer que estou sozinha, pois em meu inconsciente te encontro todos os dias. Mesmo nos momentos tristes, nos momentos mais felizes você os completa.
obrigado anjo pelo carinho
beijos

Sofia Duarte disse...

O ideal é serem amantes e namorados...

Mas a simplicidade da vida não está no nome que o ser humano dá às coisas... Uma árvore sempre foi aquele tronco que suporta cada uma das suas folhas, algumas por todo o tempo das suas vidas, outras por estações do ano especificas... O vento já baloiçava seus ramos sem que nós lhes déssemos nome.

Tudo sempre existia mesmo antes de nossas bocas e se abrirem enquanto os olhos se banham de beleza...

Mas as coisas mais belas, são aquelas que não existem jamais palavras para descrever... E, mesmo que alguém as diga, cada um sentirá do seu jeito a emoção que já vem de dentro de quem as lê...

Um abraço!
Sofia Duarte

Isa mar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isa mar disse...

Oi meu Anjo chegando por aqui, voltarei...
Beijos em seu coração!