quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

No tribunal:


- O senhor confirma - diz o promotor - que chegou na sua casa mais cedo naquele dia, e que encontrou sua mulher na cama com outro homem?

- Correto - diz o réu.

- E então - continua o promotor - o senhor pegou sua arma e deu um tiro na sua mulher, matando-a?

- Correto - repete o réu.

- E por que - insiste o promotor - o senhor atirou nela e não no amante dela?

O réu responde:

- Me pareceu mais simples do que atirar num homem diferente a cada dia!

teu Anjo Maluquinho

Um comentário:

SONINHA disse...

Afff! Que mulher danadinha!!!! rsrsrs
Beijos!